Significado de modo

Jeito, forma (modo de vestir/de falar)

Estado, situação das coisas

Disposição de epírito das pessoas

Jeito, destreza, habilidade: Faltou-lhe modo para solucionar o problema.

Maneira de fazer (modo de jogar/de produzir); MÉTODO; ESTILO; GÊNERO; TÉCNICA; SISTEMA

Meio, possibilidade, condição: Não havia modo de escapar.

Moda, costume: O modo inglês de se vestir.

Gram. Categoria verbal que indica a atitude, de certeza, dúvida, desejo etc., de quem fala. [

Lóg. Asserção complementar à afirmação ou negação de uma proposição indicando ser necessária, casual, falsificável, duvidosa, equivalente, proibida etc.

Mús. No sistema tonal clássico, sequência dos tons e semitons dentro da oitava da escala diatônica; padrão rítmico constante numa composição.

Geol. Composição mineral real de uma rocha, ger. expressa em porcentagem de peso ou volume.

Jur. Forma de cumprir um ato jurídico ou um contrato; MODUS.

Moderação, comedimento

smpl.

Boas maneiras, educação, compostura: Tenha modos, menino!

[F.: Do lat. modus. Sin. ger.: maneira]


A(o) modo de
1 Ao jeito de


A modo que
1 Fam. Pelo visto bla : Não conseguiu acordar, a modo que deve ter ido dormir tarde.


De modo a
1 Com a finalidade ou com o cuidado de [Seguido de verbo no infinitivo.] bla : Agiu de modo a não prejudicar o amigo.


De modo que
1 De modo a [Seguido de verbo no subjuntivo.] bla : Agiu de modo que não prejudicasse o amigo.
2 Em consequência do que bla : Chegaremos tarde, de modo que não conte conosco para o almoço.


De todo modo
1 De qualquer forma, seja como for, em todo caso.


Modo autêntico
1 Mús. No canto gregoriano, cada um dos quatro modos(10) principais. [São eles: Ré a Ré, Mi a Mi, Fá a Fá, Sol a Sol]


Modo condicional
1 Gram. Antq. Termo que designava o modo verbal hoje chamado futuro do pretérito (ver no verbete futuro).


Modo conjuntivo
1 Gram. Antq. Ver Modo subjuntivo.


Modo de produção
1 Econ. No marxismo,a maneira pela qual uma sociedade se organiza social e economicamente (as forças produtivas, as classes que as conduzem, as relações entre elas) num certo estágio de seu desenvolvimento.


Modo derivado
1 Mús. Ver Modo plagal.


Modo dórico
1 Mús. Modo (10) clássico expresso nos tons de uma escala que começa no segundo grau de uma escala maior e usa os mesmos tons desta. [P.ex., o modo dórico a partir de dó maior é expresso nos tons da escala formada por ré-mi-fá-sol-lá-si-dó-ré; a partir da escala de ré maior, pelos os tons da escala mi-fá#-sol-lá-si-dó#-ré-mi etc.]


Modo eólio
1 Mús. Modo (10) expresso nos tons de uma escala que começa no sexto tom de uma escala maior, usando os tons desta. [P.ex., em relação do tom de dó maior, o modo eólio é expresso pela escala lá-si-dó-ré-mi-fá-sol-lá; para a escala de fá maior, ré-mi-fa-sol-lá-si bemol-dó-ré.]


Modo frígio
1 Mús. Modo (10) expresso nos tons de uma escala que começa no terceiro tom de uma escala maior, usando os tons desta. [P.ex., em relação do tom de dó maior, o modo frígio é expresso pela escala mi-fá-sol-lá-si-dó-ré-mi; para a escala de ré maior, fá#-sol-lá-si-dó#-ré-mi-fá.]


Modoimperativo
1 Gram. Modo (8) que expressa comando, pedido ou exortação. [Tb. apenas imperativo.]


Modo indicativo
1 Gram.. Modo (8) que empresta à ação expressa pelo verbo um caráter efetivo, afirmativo, declarativo em relação a fato ou circunstância real. [Tb. apenas indicativo. Cf.: Modo subjuntivo.]


Modo jônio
1 Mús. Modo (10) expresso nos tons de uma escala que começa no primeiro tom de uma escala maior, usando os tons desta. [Ou seja, o modo jônio é expresso na própria escala.]


Modo lídio
1 Mús. Modo (10) expresso nos tons de uma escala que começa no quarto tom de uma escala maior, usando os tons desta. [P.ex., em relação do tom de dó maior, o modo lídio é expresso pela escala fá-sol-lá-si-dó-ré-mi-fá; para a escala de sol maior, dó-ré-mi-fá#-sol-lá-si-dó.]


Modo lócrio
1 Mús. Modo (10) expresso nos tons de uma escala que começa no sétimo tom de uma escala maior, usando os tons desta. [P.ex., em relação do tom de dó maior, o modo lócrio é expresso pela escala si-dó-ré-mi-fá-sol-lá-si; para a escala de ré maior, dó#-ré-mi-fá#-sol-la-si-dó#.]


Modo maior
1 Mús. Modo (10) expresso numa escala diatônica qualquer na qual os semitons ocorrem entre o terceiro e quarto graus e entre o sétimo e oitavo graus.


Modo menor
1 Mús. Modo (10) expresso numa escala diatônica qualquer na qual os semitons ocorrem entre o segundo e terceiro graus e entre o sétimo e oitavo graus.


Modo mixolídio
1 Mús. Modo (10) expresso nos tons de uma escala que começa no quinto tom de uma escala maior, usando os tons desta. [P.ex., em relação do tom de dó maior, o modo mixolídio é expresso pela escala sol-lá-si-dó-ré-mi-fá-sol; para a escala de lá maior, mi-fá#-sol#, lá, si dó#-ré-mi.]


Modo plagal
1 Mús. No canto gregoriano, cada um dos quatro modos(10) secundários [São eles: Lá a Lá, Si a Si, Dó a Dó, Ré a Ré), derivados dos modos autênticos.]


Modo subjuntivo
1 Gram. Modo (8) que empresta à ação expressa pelo verbo um caráter não declarativo de fato ou condição real, mas de possibilidade, potencial, desejo, condição etc. [Tb. apenas subjuntivo. Cf.: Modo indicativo.]

Definições da web