Significado de linguagem

Ling. Sistema de sinais us. pelo homem para expressar seu pensamento tanto na fala quanto na escrita.

Qualquer conjunto de símbolos us. para codificar e decodificar dados (linguagem de computação)

Forma de expressão própria de um grupo social ou profissional; JARGÃO.

Fala, linguajar.

Língua (5).

Tudo que serve para exprimir sensações ou ideias (linguagem corporal).

Voz dos animais.

[Pl.: -gens]

[F.: Do provç. lenguatge. Hom./Par.: linguagem (sf.), linguajem (fl. de linguajar).]


Linguagem afetiva
1 A que visa transmitir ou provocar emoção entre interlocutores.


Linguagem artificial
1 Linguagem criada especificamente para estabelecer comunicação em certa área de atividade ou conhecimento (como a informática, a lógica matemática etc.). [Cf.: Linguagem natural.]


Linguagem assembly
1 Inf. Linguagem de programação de baixo nível, específica para determinado hardware, na qual a cada instrução corresponde uma operação. [Tb. apenas (ing.) assembly.]


Linguagem auditiva
1 Ling. Em semiologia, sistema de linguagem cujos signos representativos de significados são percebidos pela audição.


Linguagem corporal
1 Em semiologia, sistema de linguagem cujos signos são gestos, posturas e movimentos corporais etc.


Linguagem de máquina
1 Inf. Linguagem de programação em baixo nível, em que as instruções e os dados são expressos em números representados por sequências de dígitos binários (bits), lidos diretamente pelo computador.


Linguagem de programação
1 Inf. Conjunto signos (palavras, números, expressões etc.) e de regras para seu encadeamento lógico, com os quais se montam uma sequência de instruções (um programa) que podem ser decodificadas e executadas por computador.


Linguagem de programação de alto nível
1 Inf. Linguagem de programação cujos signos e estrutura de encadeamento (sintaxe) são legíveis e inteligíveis para o raciocínio humano, o que agiliza a programação, mas torna necessário o uso de compilador para traduzi-la em linguagem de máquina.


Linguagem de programação de baixo nível
1 Inf. Linguagem de programação cujos signos e estrutura de encadeamento são mais adequados à leitura direta pelo computador (como a linguagem de máquina), e consequentemente menos próximos da linguagem humana.


Linguagem falada
1 Ling. Linguagem que utiliza signos orais, como uma língua em sua expressão oral, ou falada.


Linguagem familiar
1 Linguagem cujos signos e estruturas se formam no ambiente familiar ou são típicos dele.


Linguagem figurada
1 Ling. Forma de expressão que utiliza figuras de palavra, nas quais palavra ou expressão adquirem outro sentido que seu sentido literal, como na metáfora, na metonímia etc.


Linguagem gestual
1 Ver Língua de sinais.


Linguagem infantil
1 Ling. Variante de uma língua, com termos e estruturas us. por crianças pequenas, e tb. por adultos quando a elas se dirigem.
2 O conjunto de termos e expressões (criado pelas crianças ou por adultos visando as crianças) que caracterizam essa variante (como os termos pipi, nanã, bumbum, dodói etc.).


Linguagem lúdica
1 Tipo de linguagem com elementos de diversão ou recreação, como a língua do pê (ver no verbete língua).


Linguagem natural
1 Toda linguagem que, como forma de comunicação genérica ou específica de um grupo humano ou animal, surge e se desenvolve espontaneamente. [P.op. a Linguagem artificial.]
2 O conjunto de sinais produzidos e interpretados intuitivamente pelos homens para se comunicarem, como a fala, os gestos, os gritos, os olhares etc.


Linguagem orientada a objetos
1 Inf. Linguagem de programação que se baseia na classificação, identificação e acionamento de áreas de informação e ação bem caracterizadas (objetos).


Linguagem visual
1 Semiol. Em semiologia, sistema de linguagem cujos signos representativos de significados são percebidos diretamente pela visão, como ícones, símbolos gráficos etc.



Linguagem é qualquer sistema de sinais, ou signos, através dos quais dois seres se comunicam entre si para transmitir e receber informações, avisos, expressões de emoção ou sentimento etc. Embora existam sistemas de linguagem entre animais e até vegetais, é no homem que ela atinge altos níveis de aperfeiçoamento, que se expressam em grande acuidade, expressividade e potencial de armazenamento e memorização, condição básica para a construção de conhecimento e formação de cultura. Entre as várias formas de linguagem (oral, gestual e escrita), é a oral que mais potencial apresenta, e se desenvolveu na forma de línguas, ou seja, um sistema baseado na emissão e recepção de sons, cuja combinação forma os signos significativos das coisas (palavras), e estas, arrumadas em determinadas estruturas, montam as ideias. Neste caso, a língua escrita é a representação gráfica desses sons (letras ou símbolos), agrupadas em palavras. A língua é, assim, um sistema de códigos representativos de coisas, ea comunicação se faz pelo conhecimento desse código tanto pelo emissor quanto pelo receptor da mensagem.

Definición de Linguagem

Linguagem é o sistema através do qual o homem comunica suas ideias e sentimentos, seja através da fala, da escrita ou de outros signos convencionais. Linguística é o nome da ciência que se dedica ao estudo da linguagem.

Na linguagem do cotidiano, o homem faz uso da linguagem verbal e não-verbal para se comunicar. A linguagem verbal integra a fala e a escrita (diálogo, informações no rádio, televisão ou imprensa, etc.). Todos os outros recursos de comunicação como imagens, desenhos, símbolos, músicas, gestos, tom de voz, etc., fazem parte da linguagem não-verbal.

A linguagem corporal é um tipo de linguagem não-verbal, pois determinados movimentos corporais podem transmitir mensagens e intenções. Dentro dessa categoria existe a linguagem gestual, um sistema de gestos e movimentos cujo significado se fixa por convenção, e é usada na comunicação de pessoas com deficiências na fala e/ou audição.

Linguagem mista é o uso da linguagem verbal e não-verbal ao mesmo tempo. Por exemplo, uma história em quadrinhos integra, simultaneamente, imagens, símbolos e diálogos.

Dependendo do contexto social em que a linguagem é produzida, o falante pode usar a linguagem formal (produzida em situações que exigem o uso da linguagem padrão, por exemplo, salas de aula ou reuniões de trabalho) ou informal (usada quando existe intimidade entre os falantes, recorrendo a expressões coloquiais).

As linguagens artificiais (que são criadas para servirem a um fim específico, por exemplo, a lógica matemática ou a informática) também são designadas por linguagens formais. A linguagem de programação de computadores é uma linguagem formal que consiste na criação de códigos e regras específicas que processam instruções para computadores.

Definições da web