Significado de antropologia

O estudo da espécie humana em seus aspectos biológicos (origem, evolução, características distintivas, distribuição de subgrupos e variedades) e comportamentais (especialmente os referentes a costumes, técnicas e modos de vida de grupos e coletividades).

Reflexão filosófica, ger. de caráter abrangente e sistemático, acerca da natureza humana

[F.: antrop(o)- + -logia.]


Antropologia biológica
1 Estudo da constituição biológica da espécie humana em sua evolução pré-histórica e em suas expressões e modificações históricas, incluindo as características corporais e genéticas das diversas populações, e suas relações com os modos de vida, de comportamento e de organização coletiva.


Antropologia cultural
1 O mesmo que antropologia social, esp. quando a ênfase é na noção de cultura como conjunto de processos e práticas simbólicos, póprios de determinados grupos sociais.


Antropologia filosófica
1 Filos. Ver antropologia (2).


Antropologia física
1 O mesmo que antropologia biológica, esp. quando envolve o estudo de material paleontológico e arqueológico (ossos, artefatos etc.).


Antropologia social
1 Estudo antropológico dos aspectos e expressões coletivos da condição humana, através de métodos de observação empírica dos modos de vida ou das realizações culturais e materiais (costumes, instituições, técnicas) dos diferentes povos, sociedades, grupos e populações, e considerado como parte das ciências sociais, em conjunto com a sociologia, a história, a geografia humana, a economia, a linguistica etc; antropologia cultural.

Definición de Antropologia

Antropologia é uma ciência que se dedica ao estudo aprofundado do ser humano. É um termo de origem grega, formado por “anthropos” (homem, ser humano) e “logos” (conhecimento).

A reflexão sobre as sociedades, o homem e o seu comportamento social é conhecida desde a Antiguidade Clássica através do pensamento de grandes filósofos, destacando-se o grego Heródoto que é considerado o pai da História e da Antropologia.

No entanto, foi somente com o Movimento Iluminista no século XVIII que a Antropologia se desenvolveu como ciência social, através do aprimoramento de métodos e classificações para a raça humana. Neste período, o relato de viajantes, missionários e comerciantes sobre os hábitos dos nativos das novas terras descobertas e os debates sobre a condição humana, foram muito importantes para o desenvolvimento dos estudos antropológicos.

Estudar o ser humano e a diversidade cultural, envolve a integração de diversas disciplinas que procuram refletir sobre as dimensões biológicas, sociais e culturais, sendo as principais áreas:

- Antropologia Física ou Biológica – estuda os aspectos genéticos e biológicos do homem;

- Antropologia Social: analisa o comportamento do homem em sociedade, a organização social e política, as relações sociais e instituições sociais;

- Antropologia Cultural – investiga as culturas no tempo e espaço, envolvendo os costumes, mitos, valores, crenças, rituais, religião, língua. Subdivide-se em outras especialidades como: Etnografia, Etnologia, Arqueologia e Linguística.

Definições da web